Negras Sombras

Esta sombra que me devora
Que me asfixia
E não
Não me deixa
Ser mais eu
Este negrume da noite
Que me consome
E não
Não me deixa
Partir
Este estado de ansiedade
Que me corrói
E não
Não me permite
Voar
Este ser que sou
Licença Creative Commons
Este trabalho foi licenciado com uma Licença:
Creative Commons – Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Portugal.

Download PDF

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.